terça-feira, 8 de maio de 2018

Pampa Cruises planeja operação de startup sul-americana



Outra nova linha de cruzeiros está em andamento, já que a Pampa Cruises anunciou sua intenção de iniciar operações durante todo o ano na América do Sul, servindo mercados locais na Argentina e no Brasil.

A linha de cruzeiros planeja homeport em até cinco cidades, começando em outubro de 2018, oferecendo cruzeiros de três a 16 noites a bordo do antigo Delphin.

“Ofereceremos cruzeiros para 26 portos em nosso primeiro ano de operação, de outubro de 2018 a setembro de 2019”, disse Milton Sanches, diretor de operações e vendas.

Atrás da operação brasileira da Pampa, Sanches é um veterano da indústria de cruzeiros local, tendo fretado navios antes sob sua própria marca, a BCR e tendo trabalhado para várias linhas de cruzeiro e operadores locais, como a Pullmantur e a CVC.

Agora ele está atuando como diretor de operações e vendas para o mercado brasileiro da Pampa.

Os itinerários contarão com uma seleção de destinos da América do Sul, incluindo portos no Chile, Uruguai, Argentina e Brasil.

"Haverá cruzeiros pela costa nordeste e sudeste do Brasil, incluindo várias ligações em Fernando de Noronha", disse Sanches à Cruise Industry News.

O destino brasileiro é o destaque do programa. Atualmente visitado apenas por navios de expedição e luxo, o arquipélago é muito popular entre os habitantes locais.

O programa também inclui cruzeiros para os fiordes chilenos, a Patagônia e uma travessia transatlântica da Grécia para o Brasil.

A nova linha de cruzeiros planeja operar o Delphin, construído em 1975 e com 640 passageiros. O navio foi instalado na Croácia nos últimos dois anos. A Pampa organizou um contrato de cinco anos.

“É a embarcação mais adequada para operar em Fernando de Noronha, dado os seus assentos individuais de jantar e seu tamanho”, disse Sanches.

As embarcações que fazem escala em Fernando de Noronha devem seguir os regulamentos locais estritos e não podem desembarcar mais de 450 convidados de uma só vez.

A linha de cruzeiros planeja oferecer 64 partidas em sua temporada inaugural, navegando de Santos, Salvador e Recife no Brasil, além de Buenos Aires e Ushuaia.


Fonte/adaptação: Cruise Industry News


Um comentário:

  1. Tenho minhas dúvidas se esse cruzeiro vai mesmo existir pois a previsão para começar é Outubro, já estamos em julho e até agora nem a tripulação foi contratada

    ResponderExcluir